Economia brasileira em queda afeta Jogos-2016, afirma COI

Terça, 08 Outubro 2013 10:21

O COI (Comitê Olímpico Internacional) deixou claro que as dificuldades enfrentadas pela economia brasileira estão afetando a capacidade de gerar renda dos Jogos-2012. Isso porque o Comitê Rio-2016 está tendo problemas para fechar contratos de patrocínio, que é uma das principais receitas do evento. É um cenário bem diferente de alguns anos atrás quando o Brasil tinha sinais de excelente potencial de renda.

"Para 2016, eles tiveram um início forte, e completaram vários contratos. Mas o Rio está enfrentando economia difícil no Brasil. Mercado parece bem diferente do que quando foi lançado o programa de marketing. Rio e COI estão trabalhando forte e há várias negociações em curso", explicou Gerhar Heiberg, responsável pelo marketing no comitê internacional.

Pelo esquema do COI, seus executivos trabalham junto com o comitê organizador para fechar parceiros comerciais locais dentro do país. As negociações com patrocinadores estrangeiros são feitas exclusivamente pelo comitê internacional.

De fato, no início, o Comitê do Rio-2016 projetava uma renda recorde com patrocínio e com isso entendia que não seria necessário financiamento do governo para bancar suas despesas. Mas, depois de fechar excelentes contratos como o do Bradesco e o da Nissan, a cidade carioca tem tido dificuldades para fechar novos acordos em categorias restantes.

Ainda mais se levarmos em conta que Londres obteve um alto valor com marketing, mesmo negociando em meio à crise econômica mundial. A cidade britânica arrecadou um total de US$ 1,2 bilhão com seus patrocinadores domésticos, mesmo valor obtido na China. A receita de todo o programa de patrocínio do COI representa 45% do total da Olimpíada.

A maior participação na renda é dos pagamentos por direitos de televisão. Neste caso, em que a negociação é feita exclusivamente pelo COI, ainda não há todos os acordos assinados para o Rio-2016, mas os principais mercados já foram fechados. O homem de finanças do COI, Richard Carrion, projetou que haverá um crescimento modesto nas receitas de televisão.

Ampliar
Frases de medalhistas olímpicos13 fotos 8 / 13
"Eu me senti no Maracanã, porque eram muitos brasileiros e estava todo mundo torcendo pra gente. A torcida teve um papel importante porque eles começaram a gritar quando a gente estava perdendo e a gente conseguiu virar, foi essencial" - Meio de rede Adenizia, ouro, falando no "Bem, Amigos!" Sobre a importância da torcida nos jogos contra Rússia e EUA Luiz Pires/Vipcomm
"Um homem disse que previsões eram perigosas. Terei que arriscar. A maior parte da receita tem a ver com televisão. Concluímos parte da negociação inclusive com a NBC que cobre US$ 4,8 bilhões até a 2020. E já começamos negociação com outras. O aumento em receitas será modesto. Novos mercados são mais lucrativos, mas suspeito que teremos um aumento moderado. Não espero mais do que 10%", disse Carrión.

 

O UOL Esporte tentou ouvir o presidente do comitê organizador, Carlos Arthur Nuzman, sobre o marketing dos Jogos, sem sucesso.

Fonte: http://uolesporte.blogosfera.uol.com.br/

Anderson se reunirá por possível transferência para o taekwondo, mas não terá "cadeira cativa" na Olimpíada

Terça, 08 Outubro 2013 10:44

Depois de manifestar publicamente o sonho de disputar os Jogos Olímpicos de 2016, Anderson Silva se reunirá com a cúpula da Confederação Brasileira de Taekwondo para debater as intenções e o planejamento da possível nova investida.

No MMA, o Spider tem como especialidades o muay thai, modalidade não olímpica, e o taekwondo. "Espero que sim. Ainda tenho algumas garrafas para vender. Acho que daria sim [para disputar uma Olimpíada]. Espero que me deem essa oportunidade. Sim, no taekwondo. Seria mais a minha área", disse o lutador de 37 anos.

O presidente da Confederação Brasileira de Taekwondo, Carlos Fernandes, diz que terá uma conversa com o Spider para analisar as possibilidades. Mas deixou claro que ele terá que se dedicar integralmente à modalidade, disputar os circuitos nacionais e internacionais e ainda assim precisará disputar a vaga com outros lutadores nacionais.

Ampliar
Anderson Silva200 fotos 1 / 200
5.out.2013 - Torcedor do Corinthians, Anderson Silva recebe camisa personalizada do Bahia Reprodução/Twitter

"Mantive contato com ele, e agora vamos esperar acabar as atribuições dele esse ano, como a luta no UFC do Rio, para sentar e conversar. É sempre bem-vindo para o nosso esporte um nome como ele. Temos conversado com empresários dele e com ele e depois dessa luta no fim do ano vamos sentar e ver. Até porque, até o momento, temos uma especulação, uma notícia que ele deu por vontade própria. Não fomos consultados. Essa conversa pessoalmente vai analisar tudo isso", falou Fernandes ao UOL Esporte.

"Ele vai ter que seguir os procedimentos normais da entidade, que é participar das seletivas. Campeonatos Estaduais, ver se ele fica em Rio ou São Paulo, depois ele vai pra Campeonatos Brasileiros. Ele vai ter que participar de todos os processos seletivos, normalmente. Tendo uma boa performance, pode ser selecionado."

Por ser o país-sede dos Jogos Olímpicos, o Brasil tem garantido representantes nas quatro categorias do taekwondo. Não existe uma seletiva única que garanta a vaga, e cada representante é escolhido pela confederação após análises de ranking e desempenho em torneios nacionais e internacionais.

Fernandes adiantou que não será fácil para o atleta conseguir a vaga e que o ideal é que se dedique o quanto antes integralmente a ela. Mas ressaltou o espírito vencedor do atleta que pode fazer com que consiga obtê-la.

"Fácil, fácil não vai ser. Nada é fácil para um campeão, mesmo como um campeão com ele. Não vai ser fácil, quem é que não quer essa vaga? Tem que vir difícil para ter mais valor. Ele tem, o quanto antes, que começar a treinar. Ele é um cara dedicado. Ele está no MMA, que não é fácil. Ele é um campeão, e não é um aventureiro. Eu vejo que o principal ele tem, que é dedicação e vontade de treinar. Não basta você querer. Se quer ser campeão tem que gostar de treinar. Isso é meio caminho andado. E ele tem isso."

Anderson Silva compete na categoria dos médios do UFC (até 83,9 kg). No taekwondo olímpico, terá que tentar se adequar aos peso dos pesados, acima de 80 kg.

O empresário de Anderson Ed Soares diz ver com bons olhos a chance de o atleta disputar os Jogos de 2016. Entende que ele terá que sair do MMA, mas não deu prazos. Diz que é algo que depende do atleta e tem que ser conversado com ele.

"Eu não falei com ele sobre isso ainda, mas acho que para um atleta do nível do Anderson, seria ótimo competir nas Olimpíadas. Vamos ver que como será isso. Mas é ótimo, vai melhorar muito a carreira dele", falou.

"Isso [quendo e se Anderson vai parar com o MMA] é uma pergunta que só ele pode responder . Isso é com ele, é ele quem sabe o que tem que fazer e tem que decidir com seus treinadores. Mas com certeza se ele competir nas Olimpíadas ele não vai poder competir mais no MMA", finalizou.

 

Fonte: http://esporte.uol.com.br/

Ranking Olímpico Atualizado da WTF

Terça, 08 Outubro 2013 10:00

Men

 

Please select a Men's category for the Top 5 ranking: 

Men's Under 54kg

 

Men's Under 58kg

 

Men's Under 63kg

 

Men's Under 68kg

 

Men's Under 74kg

 

Men's Under 80kg

 

Men's Under 87kg

 

 
Men's Over 87kg 

 

 

 

Women 

Please select a Women's category for the Top 5 ranking:  

Women's Under 46kg

 

Women's Under 49kg

 

Women's Under 53kg

 

Women's Under 57kg

 

Women's Under 62kg

 

Women's Under 67kg

 

Women's Under 73kg

 

 
Men's Over 87kg 

 

    

RANKINGS (LISTA COMPLETA)

Índices Olímpicos Londres 2012

Terça, 08 Outubro 2013 01:06

n 2010, the 1st Youth Olympic Games sanctioned by the IOC were held in Singapore. Taekwondo was an official event with five weight categories in both male and female divisions. Two years later, it was taekwondo's big moment.

For the 2012 London Olympics, the WTF had made dramatic changes. Protector and Scoring Systems and Instant Video Replays were both implemented. Some 6,000 people watched the bouts in the sold-out ExCel arena, as a differentiated points scoring system made bouts unpredictable and a reduced mat size made matches more exciting. In addition, the WTF Demonstration Team performed four times every day.

Finally, London Olympic taekwondo distributed eight gold medals to eight countries, laying to rest concerns that it was a Korea-dominated sport.

 

Medal summary

Men's events

  18px-Gold_medal.svg.png 18px-Silver_medal.svg.png 18px-Bronze_medal.svg.png
Under 58 kg  Joel González 20px-Flag_of_South_Korea.svg.png Lee Dae-Hoon    Aleksey Denisenko
 Óscar Muñoz
Under 68 kg 20px-Flag_of_Turkey.svg.png Servet Tazegül 20px-Flag_of_Iran.svg.png Mohammad Bagheri Motamed 20px-Flag_of_the_United_States.svg.png Terrence Jennings
 Rohullah Nikpai
Under 80 kg  Sebastián Crismanich
 Nicolás García
 Lutalo Muhammad
 Mauro Sarmiento
Over 80 kg  Carlo Molfetta  Anthony Obame 20px-Flag_of_Cuba.svg.png Robelis Despaigne
Flag of the People's Republic of China.svg Liu Xiaobo

 

Women's events

  18px-Gold_medal.svg.png 18px-Silver_medal.svg.png 18px-Bronze_medal.svg.png
Under 49 kg Flag of the People's Republic of China.svg Wu Jingyu  Brigitte Yagüe  Chanatip Sonkham
 Lucija Zaninović
Under 57 kg  Jade Jones  Flag of the People's Republic of China.svg Hou Yuzhuo 20px-Flag_of_France.svg.png Marlène Harnois
20px-Flag_of_Chinese_Taipei_for_Olympic_games.svg.png Tseng Li-Cheng
Under 67 kg 20px-Flag_of_South_Korea.svg.png Hwang Kyung-Seon  20px-Flag_of_Turkey.svg.png Nur Tatar 20px-Flag_of_the_United_States.svg.png Paige McPherson
 Helena Fromm
Over 67 kg  Milica Mandić 20px-Flag_of_France.svg.png Anne-Caroline Graffe  Anastasia Baryshnikova
20px-Flag_of_Mexico.svg.png Maria Espinoza

 

Medal table

Rank  Nation 18px-Gold_medal.svg.png 18px-Silver_medal.svg.png 18px-Bronze_medal.svg.png Total
1  Spain 1 2 0 3
2 Flag of the People's Republic of China.svg China 1 1 1 3
3 20px-Flag_of_South_Korea.svg.png South Korea 1 1 0 2
20px-Flag_of_Turkey.svg.png Turkey 1 1 0 2
 5  Great Britain 1 0 1 2
 Italy 1 0 1 2
 Argentina 1 0 0 1
 Serbia 1 0 0 1
9 20px-Flag_of_France.svg.png France 0 1 1 2
10  Gabon 0 1 0 1
20px-Flag_of_Iran.svg.png Iran 0 1 0 1
12
 
 Russia 0 0 2 2
20px-Flag_of_the_United_States.svg.png United States 0 0 2 2
 14  Afghanistan 0 0 1 1
 Colombia 0 0 1 1
 Croatia 0 0 1 1
20px-Flag_of_Cuba.svg.png Cuba 0 0 1 1
 Germany 0 0 1 1
20px-Flag_of_Mexico.svg.png Mexico 0 0 1 1
20px-Flag_of_Chinese_Taipei_for_Olympic_games.svg.png Chinese Taipei 0 0 1 1
 Thailand 0 0 1 1

 

Enquete da Semana

Como você avalia nosso portal?

Ótimo - 76.4%
Regular - 9.4%
Ruim - 12.3%

Total de votos: 106
A votação para esta enqueta já encerrou em: Março 31, 2014

APOIO:

JoomShaper